Quando pensamos em construir um local, seja para trabalhar ou morar, pensamos sempre em como fazer e começamos a colocar no papel todos os planejamentos e as etapas que ocorrerão, pois um passo como esse leva tempo e precisa de um projeto conciso.

Além de tempo, muito investimento será feito, então é importante que uma quantia de dinheiro possa ser juntada antes do todo esse acontecimento futuro que será a sua construção.

Além disso, é importante pensar sobre todos os serviços, equipamentos e materiais que serão usados em todos os pontos, desde o começo até o fim da construção.

E para que você entenda um pouco mais sobre, hoje falaremos das fundações e quais estacas elas necessitam para que sejam feitas corretamente.

Fundação

Também chamada de alicerce, a fundação é uma parte da construção civil que designa as estruturas responsáveis que transmitirão cargas da construção para o solo. Ou seja, as fundações são variadas e ajudam na base do local.

Nelas são contados os seguintes pontos:

  • Carga;
  • Nível do lençol freático;
  • Composição;
  • Resistência do solo.

Sem elas não seria possível que um terreno aguentasse tanto peso e pressão, principalmente quando tudo estiver pronto para ser habitado ou ocupado para trabalho. E, para que seja possível que a fundação exista, ela deve ser feita a partir de estacas, que é o que falaremos agora.

Escavada

A estaca escavada faz com que a retirada do material seja feita em sua perfuração no solo. São moldadas no local e podem realizar seu trabalho com ou sem revestimentos e fluídos estabilizantes.

Esse tipo de estaca faz com que o conhecimento do local e suas camadas seja imediato, possui muita versatilidade, atinge grandes profundidades e suporta muito peso e pressão, fazendo com que a construção seja melhor desenvolvida.

Chamada também de perfuratriz, ela possui um trado helicodial, ou seja, possui uma ponta em espiral e faz furos no solo para que outras estacas sejam instaladas e possam sustentar a edificação.

Ela pode ser acoplada tanto em esteira quanto em tratores e são montadas já no canteiro de obras, porque são grandes, pesadas e possuem medidas específicas para cada tipo de local e afins.

Raiz

A estaca raiz também é moldada in loco e pode ser executada por uma ação rotativa ou roto-percussiva. Ela é totalmente revestida por um tubo metálico, que faz com que seja possível a garantia de estabilidade da perfuração.

Sua sequência de trabalho consiste em perfuração por circulação de água, instalação da armadura, preenchimento do furo com materiais como a argamassa, remoção de revestimento e aplicação de ar comprimido,

Essa perfuração costuma ser feita na vertical ou também meio inclinada justamente com a rotação de tubos para que possa avançar até o seu limite e recuperar tudo o que foi perdido.

Hélice contínua

A estaca helice continua é um tipo de fundação que é feita com um equipamento parecido ao da escavada. Ele realiza a concretagem da estaca que será retirada do terreno brevemente.

Ela também é moldada in loco e possui uma armadura que será colocada após o lançamento do concreto. Elas são monitoradas por alguns equipamentos eletrônicos específicos que fazem com que ela garanta mais controle na execução e na segurança.

Essa estaca não causa nenhum tipo de vibração no terreno e evita o incômodo da vizinhança, que é outra enorme vantagem. Além disso, é muito veloz e gera pouca sujeira no canteiro e ruídos também.

Execução de fundação

Por último, mas não menos importante, o equipamento bate estaca é utilizado para uma profunda fundação em construções. Além disso, são usados em obras de grande porte, como indústrias, prédios e afins.

Ele é necessário para que todas as estacas possam ser fincadas de uma forma correta e segura e todas podem ser usadas, como a pré-moldada de concreto, a metálica ou a de madeira.

O bate estaca se compõe por uma torre e um martelo que realizarão movimentos de força para que a cravação seja certeira. Ou seja, é muito necessário ter um equipamento desse no canteiro de obras.

Enfim, essas são as estacas possíveis para que a fundação seja feita da forma mais correta possível com os equipamentos necessários, sem que prejudiquem a edificação e façam com que ela seja totalmente segura.