construção civil é conhecida, principalmente, por criar estruturas e espaços, ou seja, um arquiteto ou engenheiro elabora projeto de construção de casas, condomínios residenciais e empresariais, e obras de pontes e viadutos.

Então, esses planos são repassados aos profissionais que vão fazê-lo funcionar, são os mestres de obra, pedreiros, eletricistas, pintores e outros que trabalham efetivamente nesse setor.

Contudo, por vezes, é preciso se desfazer de algo para construir outro melhor no lugar, isso quer dizer que há caso de prédios abandonados e sem uso que ocupam espaço inutilmente, mas que poderiam dar vida a outro que teria maior funcionalidade, por exemplo abrigando moradias ou prédios públicos.

Sendo assim, a demolição é extremamente importante, então o que era tido como ruim por remeter a destruição, agora vai ser usado como uma forma de reconstrução e dará vida a novos ambientes.

Para isso, os profissionais acabam utilizando ferramentas e máquinas especiais que facilitam o trabalho e tornam o processo mais rápido, prático e ágil.

Por exemplo, existe a retroescavadeira, uma máquina pesada considerada uma espécie de trator que serve para diferentes finalidades, como, para realizar a demolição.

Nessa situação, é indicado o equipamento que possua um rompedor, uma ferramenta colocada na parte traseira que realiza a perfuração de materiais sólidos como chapas de concreto, tijolos e demais elementos que fazem parte da alvenaria.

Contudo, a retroescavadeira serve também para a terraplanagem, serviço que nivela o solo retirando entulhos e imperfeições para que uma nova construção possa ser iniciada no local.

Neste caso, ao invés do rompedor ela possui uma concha na parte de trás, e na dianteira uma pá carregadeira para levar a terra retirada.

Outro tipo de demolição que vem ganhando espaço

Como citado, a demolição mais conhecida é a que utiliza máquinas e ferramentas pesadas, mas como é de se imaginar é um processo bastante barulhento.

Porém, há locais em que é preciso fazer a demolição em apenas uma parte do prédio, ou que a estrutura pode estar comprometida – e ai o cuidado deve ser redobrado.

Assim, surgiu a demolição controlada, uma medida mais eficiente para tratar de questões mais delicadas, como a reforma de um hospital.

No caso, se uma ala específica precisa de reparos ou se faz necessária a remoção de uma parede para ampliar o espaço, não se pode fechar o local, afinal muitas pessoas estão sendo tratadas ali e suas vidas dependem disso.

O mesmo acontece com a questão do incômodo, não se pode gerar transtornos aos pacientes, por isso controlar a demolição faz mais sentido, são profissionais treinados que vão derrubar todas as partes com aparelhos manuais como marretas e máquinas de corte para retirar os elementos com cautela, assim é possível:

  • Eliminar os ruídos causados por ferramentas como britadeiras;
  • Diminuir a sujeira e poeira resultantes da obra;
  • Mantém o resto da estrutura intacta;
  • Entre outras vantagens.

Além disso, alguns terrenos podem estar danificados e apresentam riscos ao prédio, como o caso de possíveis deslizamentos de terra que no mínimo sinal de movimentação podem ceder, por isso não se pode usar grandes máquinas ou fazer barulhos excessivos, então somente os profissionais com a técnica manual podem atuar.

Como trabalham as empresas de demolição?

Para atuar com a demolição as empresas precisam ter especialização na área e o quadro de funcionários deve ser composto apenas por pessoal autorizado que compreende a importância e riscos que envolvem esse trabalho.

Além disso, é imprescindível que as demolidoras em SP Zona Sul e demais regiões da cidade estejam de acordo com a legislação vigente que estipula as condições exigidas neste serviço, como o uso obrigatório dos equipamentos de segurança pelos colaboradores.

No mais, se atentar com as mudanças e avanços tecnológicos envolvendo as máquinas é fundamental, a empresa precisa ter veículos próprios e modernos que atendam a demanda de maneira satisfatória.

Ademais, as demolidoras trabalham não só em prédios e estruturas, mas em serviços como a detonação de rocha que acontece com o uso de explosivos para destruir pedras que impedem obras de construção de rodovias, estradas e túneis, com isso se torna ainda mais necessária a qualificação para lidar com esse tipo de material.

Portanto, antes de contratar, é uma boa ideia pesquisar as opções e escolher com calma a melhor empresa.